Siga-nos por Email:

quarta-feira, 6 de junho de 2012

Resignation



Está frio aqui, acredito que chegou o inverno. Mais um inverno que terei que lutar para sobreviver, lutar contra a fome e a solidão. Me resignei, se é assim que Deus quer. Ele me criou sem voz, sem mãos e sem alguém, acredito que é para que eu aprenda algo da vida. Aprenda a dar valor quando uma mão amiga se estende e afaga minha cabeça peluda, ou me joga uma migalha de comida. Aprenda a não confiar em todos, pois alguns se aproximam para me machucar e me torturar. Agora chove, meu pelo está molhado e eu tenho muito frio. Se eu soubesse rezar, imploraria mais uma vez para que alguém tenha piedade de mim, e me acolha, não exijo muito, só preciso de um teto e alimentação. Como pagamento, eu me comprometeria a ser um bom cão de guarda e .. opa, alguém está se aproximando. Preciso me por em guarda. É uma moça, e está molhada, o que ela quer de mim? Opa, calma moça, seu casaco está gelado! O que está acontecendo? Será que, que vão me machucar? Preciso sair daqui!

- Calma menina, eu não vou te machucar, eu só quero ajudar, você deve estar com frio, e nós duas estamos molhadas. Vamos, acalme-se, vou te levar para o meu apartamento.

- Okay, vou acreditar nela, afinal, o que de pior pode me acontecer? - Pronto menina, chegamos em casa, vou soltar você, e me diz se gosta.

- Nossa que quentinho é aqui, e olha quantas almofadas! Tão fofinhas e cheirosas!

- Pronto menina, venha comigo, vamos tomar um banho quente...

- Uau, que água gostosa, e essa coisa que solta espuma me traz uma sensação tão gostosa!

- Boa garota, vamos secar você, e depois vou procurar algo para nosso jantar. Sabe pequena, quando vi você encolhida próximo ao ponto de ônibus eu me vi em você. Fazem dois meses que morreram meus pais, em um acidente, e eu me senti sozinha e abandonada, com frio e perdida, assim como você. Preciso de compania, e acredito que você também, que tal ajudarmos uma a outra? Vou levar esse latido como um sim haha! Vamos comer? Vou dar uma pesquisada na internet, pois não sei o que posso te dar para comer, ouvi dizer que doces causam diabetes..

- Nã, nem esquenta moça, eu como qualquer coisa, e sou saudável, olha pra mim, eu sou forte!

- Calma menina, não pule tanto haha, vou ficar tonta! Tá bom, você tem fome, vamos pular a pesquisa só por agora. Vamos ver o que temos na geladeira, hm... nada, morar sozinha tem suas desvantagens. Mas olha, no congelador tenho lasanha! Vou fazer para nós!

- Não sei o que é mas com a minha fome como até pedra com sal.

- Como vamos chamar você? Eu gosto de Mel, que tal Mel? Combina com seus olhos...

Na hora de dormir, na mesma noite...

- Quem diria na sorte que tive, este dia parece um sonho, minhas preces foram atendidas. Agora, vou rezar pelos meus irmãos, que não sei onde estão nem como estão. Somos poucos que recebemos esta bênção de termos uma segunda chance na vida. Ainda sonho que um dia esta situação vai mudar.



_______________________

Originalmente postado em Coffee&Muffins por Gabs Rhode

5 comentários:

  1. Realmente não há melhor companheiro para um homem ou mulher solitário e não há amigo mais fiel a ser encontrado!

    ResponderExcluir
  2. Que lindo! Sempre sinto vontade de trazer um bicho da rua pra casa, mas eu sei é se ele entrar minha mãe me põe pra fora rsssss.

    ResponderExcluir
  3. Só pode fazer bem! Chorando..Oxalá que isso se tornasse uma constante em nossos dias...

    ResponderExcluir
  4. O texto é lindo Gabs. Bem escrito e emocionante.
    Mas me incomoda um pouco o quanto as pessoas andam sensibilizadas pelos animais e não veem as crianças soltas, perdidas, molhadas, com frio, nas mesmas noites. Acho que é porque os animais jamais decepcionam os donos, e as crianças crescem, podem se tornar adultos e decepcionar quem os acolheu num momento de chuva e frio. É assim a vida.

    ResponderExcluir

Para receber as postagens por e-mail:

Digite seu email aqui:

Delivered by FeedBurner